Blog Produção Jr.

AGILE SCRUM: Entenda o que é essa metodologia e como ela pode ajudar a sua empresa

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Você verá neste artigo:

AGILE SCRUM: Entenda o que é essa metodologia e como ela pode ajudar a sua empresa

Está atrasando as entregas e não sabe o porquê? O cliente tinha uma expectativa diferente para o produto final e se decepcionou? Não está conseguindo se adaptar a mudanças nas especificações do produto no meio do processo de produção? Talvez o problema esteja no próprio modelo de gerenciamento e o Scrum está aqui para ajudar!

O Scrum é uma metodologia ágil de gestão de projetos que surgiu como uma alternativa ao modelo Cascata. Como o modelo Cascata ainda é muito difundido no ambiente empresarial, pode ser que ele também esteja sendo usado no seu negócio, mesmo não estando atualizado às novas necessidades dos produtos e processos. O Scrum pode ser a sua solução!

Entenda melhor a diferença entre os modelos e as soluções trazidas com a implementação do Scrum lendo o artigo.

Modelo Cascata

Previamente dominante dentre as empresas, o modelo de cascata consiste em uma sequência de tarefas preliminares que terminam em uma grande entrega final do produto já acabado. Isso acarreta um ciclo de produção mais longo e distante do cliente, o que, por sua vez, pode acarretar diversos dos problemas citados acima.

O modelo foi especialmente problemático para a indústria de softwares, que desenvolveu sua própria alternativa. E assim surgiu o Scrum. Logo, esse novo modelo se espalhou por diversos setores, e a sua empresa pode ser a próxima a se aproveitar de todos os benefícios dele.

Metodologias Ágeis

Como dito acima, o Scrum é uma metodologia ágil, mas o que isso quer dizer? Uma metodologia ágil é uma forma de gerir os projetos que adere ao chamado “Manifesto Ágil”. Em geral, o manifesto delimita metodologias mais focadas em suprir as necessidades do cliente de forma mais rápida e versátil, podendo melhor absorver mudanças e realizando entregas mais frequentes.

Além do Scrum, existem também outras abordagens que visam metodologias ágeis, como o  Lean,  o Kanban e o Smart, entre outros que também são eficazes, a depender do objetivo desejado.

O grande diferencial do Scrum é realmente o foco no cliente, com entregas quase constantes e validações a cada incremento realizado pela equipe. Dessa forma, as alterações são realizadas assim que necessário e garante-se que a expectativa do cliente esteja alinhada a realidade do projeto e, assim, a entrega satisfaça as suas necessidades.

Conceitos de Scrum

O Scrum, por sua vez, tem como base um processo iterativo (que se repete) e incremental (que agrega valor). Essas iterações são chamadas de Sprints e têm um período delimitado de no máximo um mês, assim, a cada Sprint, pode-se não só avaliar o que melhorar no próximo, mas também alinhar o progresso com o cliente. Dessa forma, não ocorrem grandes divergências na entrega final do produto e não há grande diferença entre o tempo previsto de produção e o tempo real.

Para a aplicar o Scrum, são necessários 3 princípios base:

  • Transparência

A organização deve estar totalmente alinhada sobre os papéis desempenhados por cada um e sobre os dados do projeto.

  • Inspeção

A equipe deve sempre avaliar o progresso do projeto, o que ainda precisa ser feito, se houve mudanças nos requisitos do projeto etc.

  • Adaptação

Com base na Inspeção, deve-se ser capaz de modificar o produto e adaptar o processo para melhorar a sua eficiência e adequá-lo ao desejo e necessidade do cliente.

Como implementar o Scrum na sua empresa

Definindo papéis

O primeiro passo para implementar o Scrum na sua empresa e obter todos os benefícios dele é determinar quem desempenhará qual papel. No Scrum, existem 3 papéis principais: Product Owner, Scrum Master e Equipe de Desenvolvimento.

O Product Owner é a ponte entre a equipe e o cliente. É ele que é responsável pelo Product Backlog, do qual falaremos posteriormente. Dentre as funções do Product Owner, estão: gerenciar e priorizar os requisitos do produto definidos pelo cliente, controlar os prazos de entrega e tomar as decisões em relação ao produto em geral.

O Scrum Master é o responsável pelo processo de Scrum em si. É ele que planeja os Sprints, define e facilita as reuniões e resolve problemas que possam estar impedindo o progresso do projeto. Ele deve conhecer muito bem o Scrum para poder sanar todas as dúvidas no período de implementação da metodologia.

No Scrum, a Equipe de Desenvolvimento atua em conjunto, independente de cargos e áreas dos membros na empresa. Isso foi pensado para diminuir os atritos burocráticos e organizacionais que poderiam vir a diminuir o progresso do projeto. Todos os membros devem estar completamente alinhados entre si a agir de forma coesa, pois são eles que de fato vão realizar o trabalho.

Planejamento inicial

Após ter determinado pelo que cada um será responsável é necessário definir o que precisa ser feito para sanar as necessidades do cliente. Para isso serve o Product Backlog. Ele é uma lista de passos que precisam ser completados para finalizar o produto. É muito importante que o Product Backlog esteja sempre alinhado com o cliente e a par do Product Owner.

Já tendo em mente as necessidades do cliente, é necessário planejar os Sprints. O Scrum Master deve definir quanto tempo terá cada Sprint.  É alinhado com a Equipe de Desenvolvimento quanto tempo será necessário para realizar por completo um ou mais pontos do Product Backlog para definir o tempo do Sprint.

Também é essencial definir as bases para a Daily Scrum, uma reunião rápida (máximo 30 minutos) que ocorre diariamente. Nela, a Equipe apresenta o que foi feito no dia anterior e o que será feito no dia atual, além de possíveis impedimentos que podem ser resolvidos pelo Scrum Master.

Fim do Sprint

Ao fim de cada Sprint é apresentado para o Cliente o que foi realizado no Sprint. Também ocorre a Retrospectiva do Sprint, uma reunião na qual é discutido o que pode ser melhorado para o próximo Sprint. A melhoria contínua é uma das bases do Scrum, por isso ele é aliado a outras metodologias como Kaizen para obter melhores resultados. Aprenda também como usar o Kaizen a seu favor aqui: https://producaojr.com.br/kaizen/.

Aplicar o Scrum na sua empresa certamente trará melhores resultados para que você possa melhorar sua produtividade e lucro, sem nunca mais perder clientes por desalinhamento ou perda de prazo. Desse modo, se você quer saber mais sobre gerenciamento de projetos e como solucionar outros problemas na sua empresa,  leia também: https://producaojr.com.br/pmbok-2/.

Produção Jr tem mais de 150 projetos realizados em diversas empresas e atua no ramo da Engenharia de Produção desde 2000. Assim, para implementar projetos e métodos semelhantes de maneira eficaz, entre em contato conoscoagende um diagnóstico gratuito para obter melhores resultados para seu negócio.

Skip to content